2
2

Sucesso

Artigo
8/2/2017
Mas, o que é ter sucesso? A melhor definição que encontro para sucesso é: “Conseguir chegar ao fim de uma empreitada.”

De de facto, alcançar o saudável caminho do sucesso, da superação das metas face aos objectivos traçados é a força que todos os dias nos dá motivos para caminhar! Porém, quando falamos de sucesso, creio que o maior desafio do século XXI é mudar a mentalidade dominante e construir uma cultura multigeracional e intemporal contrariando valores que parecem “desactualizados”, como a ideia de que “os meios não justificam os fins”. E este é, de facto, um dos pilares para a construção sustentada do tão desejado sucesso na vida. Claro está que, num mundo altamente globalizado e frenético, onde se estabeleceu que ter sucesso passa apenas por ter posses – das mais variadas ordens –, o que acabo de dizer poderá parecer loucura ou até mesmo uma profunda utopia. Mas, ainda assim, importa que alguns, mesmo que poucos, ousem ditar o futuro de muitos. Mas, o que é ter sucesso? A melhor definição que encontrei para sucesso é: “Conseguir chegar ao fim de uma empreitada.” O sucesso, em antagonismo com o que nos foi aculturado, não tem que ver apenas com bens materiais e com vitórias mas, acima de tudo, com o chegar ao fim! Tudo o mais é consequência do caminho percorrido até à meta!

"Ter sucesso é conseguir chegar ao fim de uma empreitada"

Nem sempre quem ganha alcança o sucesso, porque o mesmo não é sinónimo de ganhar! Na vida, umas vezes ganhamos e outras perdemos, mas aprendemos sempre, quer com as vitórias, quer com as derrotas. Saber perder é também uma expressão do real caminho para o sucesso, porque perder é bem diferente de ser perdedor. Outro aspecto a destacar na sua construção é que nem todo o sucesso tem, obrigatoriamente, de ser visível. Normalmente, quando pensamos em sucesso, as pessoas pensam sempre em visibilidade, mas nem todos estão preparados para ter visibilidade, e nem sempre os que são bem-sucedidos são conhecidos do grande público. É possível ter sucesso e ser-se invisível. Não é, de todo, fácil, para quem o ambiciona, entender que visibilidade não é o mesmo que ser bem-sucedido e que o verdadeiro sucesso passa por chegar à meta. Fruto da visão distorcida do sucesso, as pessoas querem “aparecer”, ser “vistas”, ser reconhecidas como “VIP”. Contudo, é frequente esquecerem-se de que aparecer demasiado cedo e sem a devida preparação – emocional e psicológica – pode ser o caminho para o insucesso. Na construção do sucesso não existem caminhos fáceis, nem rápidos. Ou se constrói o caminho passo a passo, ou então, em alturas determinantes da corrida, as etapas não vividas serão um dos factores que levarão ao insucesso. Isto porquê? Porque é mais fácil chegar ao topo, ou seja, alcançar o sucesso, do que manter-se lá.

"Na construção do sucesso não existem caminhos fáceis, nem rápidos."

O maior desafio de quem quer construir um caminho bem sucedido não passa tanto por construir visibilidade mas sim sustentabilidade. Resumindo, sucesso define-se como a capacidade de se ser bem-sucedido não apenas uma vez, mas no tempo contínuo, gerando impacto, influência, e com um propósito de vida assente na vontade de mudar o mundo e deixar um legado.